fbpx
(11) 2626-6000

          INSS faz Mudança nas Regras do Consignado

          Para deixar as contrações mais seguras, o INSS faz mudanças as regras

          O INSS muda as regras no empréstimo consignado através da Instrução normativa nº 100, o objetivo é “ter um controle mais rígido sobre a modalidade de empréstimos, combater as fraudes e o assédio comercial de bancos e financeiras aos segurados”.

          Confira abaixo quais são as mudanças que o INSS fez nas regras do consignado:

          Precisando de Empréstimo Consignado?

          INSS faz mudança nas regras

          A partir de 90 dias todo segurado que começar a receber seu benefício terá a carência de 6 meses para poder contratar qualquer tipo de empréstimo consignado e ou cartão de crédito consignado, e só poderá realizar qualquer tipo de operação de crédito após o prazo de carência. O INSS faz Mudança para oferecer maior segurança!

          No normativo o INSS informa que o desbloqueio será realizado através de um canal eletrônico que deverá conter o documento de identificação do segurado e um termo de autorização digitalizado.

          Tentamos contato com o INSS para obter respostas sobre detalhes do desbloqueio mas até o fechamento deste artigo não obtivemos respostas. Uma pena Mesmo!

          A preocupação do INSS é o assédio desmedido das instituições financeiras para os beneficiários que acabam de receber seus benefícios, INSS faz Mudança nas regras para garantir que isso não ocorra.

          Mais Segurança para o Segurado

          Não é raro o beneficiário, antes de mesmo de começar a receber seu primeiro pagamento, já estar recebendo ligações, comunicados via correio ou no ato da abertura de sua conta benefício já ser assediado.

          Ao introduzir seu cartão de benefício muitas instituições financeiras utilizam como meio de abordagem uma informação no Caixa Eletrônico sobre “Limites Aprovados para Empréstimo”, tais ações também serão inibidas por esta mudança nas regras.

          Recomendamos que o Beneficiário faça pesquisas em diversas instituições antes de tomar a decisão de contratar um empréstimo consignado e que o faça somente em caso de urgência.

          Outra ocorrência bastante comum é a fraude a beneficiários que acabam de receber seus benefícios.

          Quadrilhas especializadas utilizam da falta de atenção do beneficiário que devido a falta de informação ou por não saber como proceder ao receber seu primeiro pagamento para ir na frente do segurado, abrir uma conta bancária, transferir o benefício e fazer empréstimos.

          O Segurado muitas vezes que fica aguardando cair na conta o dinheiro, ou ir buscar na agência bancária acaba se surpreendendo com o golpe, ou seja, além de ter que provar que não fez o empréstimo, ainda tem uma conta aberta em seu nome.

          Em nosso entendimento, as mudanças são bem vindas, o empréstimo consignado depende de legislação, segurança, diretrizes e condição econômica para sua manutenção.

          Função do INSS

          No passado a falta de controle sobre o empréstimo consignado culminou em desastres históricos e até conflitos, o INSS está certíssimo em criar um controle mais rígido sobre o assunto.

          O INSS tem como principal objetivo proteger seus segurados, e não administrar empréstimos, o artifício do crédito mais barato por uma linha de crédito com desconto em folha é um benefício estendido a todos os beneficiários do INSS que tem se mostrado muito eficaz dentro do contexto financeiro, mas nunca e nem deve ser o foco principal do benefício concedido.

          Lembre-se que ter crédito é muito importante, mas saber utilizar, quando e como é mais importante ainda. Por este motivo, o portal consignados se esforça diariamente em criar matérias relacionadas com o crédito consciente.

          Instituições Financeiras e suas Responsabilidade

          Uma Instituição financeira visa apenas lucros, disso todo mundo já sabe, deixar vontade para fazer o que bem entender sem nenhuma punição é que até o momento existia no INSS.

          Pode acreditar, existem muitas instituições Financeiras que não cumprem o estabelecido, quer um exemplo clássico e atual? Portabilidade, Cartão de crédito consignado, prazos na liberação, averbações sem ao menos o cliente ter conhecimento e aí vai.

          Todos os dias recebemos no portal consignados reclamações de clientes das mais diversas naturezas, o pior é que a maioria delas tem fundamento.

          Com a nova Instrução normativa Nº 100 o INSS promete punir, multar e até suspender a instituição que sair da linha. Vale acompanhar para ver se realmente isso vai acontecer mesmo.

          Os problemas gerados pelas instituições financeiras geram um custo extraordinário para os cofres públicos, que convenhamos já não está com essa bola toda não é mesmo?

          Por essa e por outras o INSS está batendo o pé para que os custos operacionais gerados, tanto na resolução de problemas como a operação de empréstimo consignado como um todo seja ressarcida por parte dos Bancos.

          Entenda o processo de Averbação 

          Todos os dias milhares de pedidos são realizados ao INSS para sua análise e autorização, a chamada “Averbação”, entenda o processo:

          • Transmissão
          • Análise
          • Averbação
          • Atualização da folha de Pagamento
          • Devolução da Transmissão
          • Gestão dos Contratos

          Quando você solicita um empréstimo junto ao INSS, é realizado uma Transmissão de dados, uma espécie de planilha é enviada com os dados básicos do segurado.

          Este arquivo é Analisado pelo INSS, onde se verifica além de outras coisas, se a parcela está dentro do comprometimento de renda permitido dos 35% (sendo 30% para empréstimos e 5% para cartões de crédito),se a conta informada é a mesma a qual se recebe o benefício, se o Segurado do INSS recebe um benefício consignável e etc.

          Uma vez aprovado a parcela é acrescentada às despesas do segurado, sendo incluída para atualização da folha de pagamento.

          Atendendo os critérios de aprovação junto ao INSS ou não, este arquivo é re-transmitido a Instituição financeira, a qual deverá continuar com a contratação ou não.

          O INSS é responsável também pela Gestão dos contratos de consignação e tem a responsabilidade de prestar o respaldo jurídico e administrativo necessário para que o Segurado não seja lesado.

          São pelo menos 6 etapas que fogem do fluxo de trabalho do INSS e geram toda a demanda que mencionamos acima e ainda mais algumas que fazem parte da rotina do INSS junto a instituições financeiras.

          Por essas e por outras que se faz jus SIM, cobrar um valor mesmo que simbólico por tal tarefa, e rentabilizar assim o INSS o que estaria ajudando a amenizar os custos.

          Prejuízos Acumulados

          Pouco Dinheiro? Seriam apenas R$ 127 milhões seria o valor a ser restituído ao INSS pelas instituições financeiras por todo o trabalho realizado além de custos obtidos pela manutenção do empréstimo consignado.

          O último relatório do INSS informa que a média dos benefícios pagos ao INSS é de R$ 1.200,00, ou seja, se dividir R$ 1.200,00 por 127 milhões, teríamos mais de 105 mil segurados cobertos, só com esse dinheiro.

          Está faltando dinheiro?

          Me ajuda ai vai? Enquanto a previdência agoniza, vê seus direitos cada vez mais reduzidos, e para as novas gerações cada vez mais longe de uma aposentadoria, à Instituição financeira que cresceu menos durante a crise cresceu 50% não seria justo as instituições contribuir uma vez que existe uma indústria do crédito?

          O fato é que o setor explora a atividade institucional do INSS sem contribuir, e ainda gerando ônus administrativo e jurídico. Contudo, a nova gestão tem demonstrado um viés mais profissional, imparcial e colaborativo.

          Ao longo dos anos através de informes e demonstrativos financeiros o INSS tem avançado de forma significativa, o que faltava para um ajuste mais profundo era uma administração no executivo mais profissional sem viés ideológico e partidário.

          Nós, do portal consignados, torcemos muito para que o Brasil se recupere dessa crise institucional que vivemos atualmente. Ações desta natureza demonstram um esforço neste sentido e reforçam nossas esperanças.

          Você sabia que o Portal Consignados é especialista em empréstimo consignado?

          Com mais de 17 anos no Mercado de Empréstimo Consignado, o Portal Consignados conta com uma equipe treinada para lhe auxiliar na melhor decisão. No entanto, o Portal Consignados trabalha em parceria com diversos bancos para lhe oferecer sempre o melhor negócio.

          Avaliação Gratúita de seus Limites de Crédito

          Notícias INSS faz Mudança nas Regras do Consignado