(11) 2626-6000

Prazo de maturação
Escolha o investimento certo para o seu sonho!

O Prazo de Maturação de um Investimento é vital para um planejamento estratégico e consequentemente atingir seus sonhos. Na última semana você aprendeu por que o Tesouro Direto é melhor do que a poupança e descobriu seu perfil de investidor.

Agora é hora de conhecer o principal fator que para escolher bem os seus investimentos.

Como dissemos nos posts anteriores, para ter um bom rendimento você precisa estabelecer um prazo para cada objetivo de investimento seu. Poupar para uma viagem, por exemplo, leva menos tempo do que poupar para comprar uma casa.

O prazo de maturação é exatamente o fator que conecta o seu sonho com os investimentos disponíveis no mercado. É ele que permite a você ter o melhor rendimento possível para o prazo do seu sonho.

Por isso, neste texto, vamos explicar para você:

  • O que é o prazo de maturação de um investimento
  • Como escolher o melhor prazo para o seu investimento
  • Quais os prazos de maturação atuais do Tesouro Direto

Bora conhecer melhor esse grande segredo dos investimentos?

Como Fazer seu Dinheiro Render Mais?

O que é o prazo de maturação de um investimento

O prazo de maturação é o tempo necessário para um investimento chegar ao seu máximo de rendimento.

Se você pesquisar os CDBs, por exemplo, verá que existem títulos que vencem daqui a 2 anos, 4 anos e 8 anos, entre muitas opções.

Esses são os prazos de maturação desses títulos.

Vale saber que, na maioria dos casos, você pode inclusive tirar seu título antes do período acordado.

Considerando isso, você pode pensar que, se tiverem o mesmo rendimento anual, tanto faz um título 2 ou de 8 anos, certo? Errado.

Se você contratar um título de 8 anos e retirar o dinheiro com 2 anos, você terá uma rentabilidade menor que a de um de 2 anos. Poderá até mesmo ter prejuízo, se precisar vender o título no Tesouro Direto, por exemplo.

Por que isso acontece?

Imagine o seguinte: seu banco lhe oferece um título de renda fixa pré-fixado para 2023, com rendimento anual de 8%. Bom, não é? A inflação está em 3,8%, então você vai ter um ganho de mais de 4% ao ano!

Acontece que, para oferecer esse rendimento anual, seu banco necessita que o capital fique com ele os 4 anos, isso para aplicar e fazer seu dinheiro render. Por isso, se você tirar antes, ele não pode te pagar a mesma rentabilidade.

Além disso, para 4 anos, você pagará uma taxa de 15% de Imposto de Renda, que seria maior para um investimento mais rápido, podendo chegar a 22,5% para prazos menores que 180 dias.

Existem outras taxas envolvidas, mas a lógica é a mesma. Prazo mais curto, taxa maior.

Entendeu como funciona? Vamos agora entender como isso se encaixa com os seus investimentos!

Como escolher o melhor prazo para o seu investimento

Como explicado, o prazo de maturação de um investimento coincide com o vencimento dele. Isso acontece porque estamos em um sistema de livre concorrência. Ou seja, se o seu banco não der o melhor rendimento para o período escolhido, você vai trocar de banco, certo?

Então, para escolher o prazo do seu objetivo, faça o seguinte:

Calcule o custo do seu sonho e o tempo que você tem para realizá-lo. Exemplo: R$ 20 mil em 2 anos para trocar de carro. Guarde o ano final desse prazo: janeiro de 2022.

Determine as características do seu sonho em termos de investimento. Os fatores mais importantes, no caso do carro, são: curto prazo (2 anos); resgate só no final (não precisa de liquidez); investimento de menos de R$ 900 por mês.

Com base nos fatores, escolha possíveis tipos de investimento. O texto “O cenário econômico e os melhores investimentos em 2019” pode te ajudar. Resumindo, essas características apontam para um título: de renda fixa, tanto faz pré ou pós-fixado, com aplicações mensais e resgate de 24 meses.

Procure na sua corretora e banco os títulos disponíveis. Na hora de comparar, não use só a rentabilidade do título. Desconte a inflação (ela deve se manter em 3,8% ao ano), a taxa de corretagem e também o imposto de renda, no caso, de 15%.

Agora é cumprir o plano durante os dois anos e feliz carro novo!

Quais os prazos de maturação atuais do Tesouro Direto?

A tabela abaixo (com dados de 15/01/2019) mostra os prazos de maturação dos títulos atuais do Tesouro Direto. Já os prazos foram calculados contando quantos meses faltam para o resgate de cada título.

Tabela de Saturação

 Olhando para esse quadro, você poderia pensar: “Hum, o Tesouro Prefixado 2021 parece perfeito!”. Afinal, tem prazo de maturação de 24 meses e uma rentabilidade de 7,34% ao ano, bem melhor que a inflação!

Essa avaliação só não está 100% certa porque o Tesouro Direto não é igual a um CDB, para o qual você pode planejar prestações fixas e colher o resultado no fim. No Tesouro Direto, você tem que comprar os títulos a cada mês e, no final, você os vende e obtém a sua remuneração.

Por isso, o Imposto de Renda pago sobre o que você compra no primeiro mês será menor que os dos meses seguintes. Afinal, no primeiro caso, é um investimento de 23 meses e, no último título comprado, será de um só mês!

Além disso, os títulos do Tesouro Direto só ficam disponíveis para venda até um ano antes do seu vencimento. Ou seja, quando você chegasse ao 13º mês de investimento, o mesmo título já não estaria disponível.

Solução ideal

A solução seria, no primeiro ano você comprar os títulos mês a mês e, no segundo, usar a poupança para guardar o restante. Outra possibilidade é escolher um título parecido, mesmo que tenha prazo de maturação um pouco maior. Ou seja, o Tesouro Prefixado 2021 é indicado, mas dá esse trabalhinho.

De acordo com o simulador oficial do Tesouro Direto, o investimento mensal para seu carro teria de ser de R$ 830,00, por 23 meses, conforme o resultado abaixo:

Simulador do tesouro Direto

Comparando o valor de resgate com o da poupança, a diferença é pequena: R$ 53,00. Isso acontece porque o prazo é curto (23 meses), não permitindo que os juros compostos ampliem seu dinheiro.

No próximo texto, vamos nos aprofundar em cada título do Tesouro Direto e mostrar que, para prazos médios e longos, você pode ter um grande rendimento e mesmo dobrar ou triplicar seu dinheiro! Ficou interessado? Aguarde e confira!

Podemos te ajudar a Viver de Renda

Investimentos Prazo de maturação em Investimentos