Categorias: Dúvidas
| em 3 anos atrás

Tempo médio que leva para fazer uma Portabilidade

Por Luiz Fernando Ribeiro Pereira

O tempo médio para liberar sua portabilidade empréstimo consignado é de 20 a 30 dias úteis. No entanto, muitos clientes nos questionam sobre a demora, burocracia e até os riscos de se fazer uma portabilidade. Contudo, foi por este motivo que resolvemos escrever este artigo.

Tempo Médio x Processos

Durante muitos anos a única forma de conseguir transferir sua dívida para outro banco era fazer a famosa compra de dívida. Oferecida por diversas instituições o processo dependia exclusivamente do cliente ter em mãos o boleto para quitar seu empréstimo.

Ademais, com a alteração na Lei 10.820 foi possível simplificar este processo. Contudo, somente é possível realizar a portabilidade entre Bancos. Ademais, Financeiras e Seguradoras estão fora deste processo.

No entanto, o processo consiste nas seguintes etapas:

  • Processamento da CIP
  • Pagamento da CIP
  • Baixa do Contrato junto ao órgão
  • Averbação junto ao órgão

Processamento da CIP

A CIP (Câmara Interbancária de Pagamento) nada mais é que a geração do boleto eletrônico com os dados do seu contrato. Contudo, este processo costuma levar em torno de 2 dias úteis o tempo médio. No entanto, os seguintes dados são necessários para a geração da CIP:

  • Valor da dívida estimada
  • Número do Contrato
  • Prazo do Contrato
  • Quantidade de parcelas pagas
  • Prazo restante do contrato

Caso uma destas informações não esteja correta, a instituição credora poderá se negar a fornecer a CIP.

Pagamento da CIP

Após a geração da CIP a instituição credora tem até 5 dias úteis que é o tempo médio para convêncer o cliente a desistir da portabilidade, geralmente é oferecida as Seguintes vantagens:

  • Redução na taxa de juros
  • Flexibilização na Liberação de Valores

O cliente confirmando o interesse em prosseguir com a portabilidade é feito a quitação do contrato anterior.

Baixa do Contrato junto ao órgão

A baixa do seu contrato após o pagamento da CIP varia conforme o órgão, mas geralmente leva em torno de 5 dias úteis para a baixa.

Averbação junto ao órgão

Após a baixa é realizada a inclusão do contrato junto a nova instituição financeira, o prazo para isso é de 5 dias úteis o tempo médio.

Considerações Importantes

Se você fez as contas pode ter percebido que se somar todos os prazos o tempo médio levado é de 17 dias úteis, mas existem algumas pedras no meio do caminho. Os principais atrasos na liberação são:

  • Muitas instituições simplesmente se negam a acatar a CIP e é necessário retransmiti-la por mais de uma vez;
  • Erros na Emissão da CIP, como por exemplo o número de contrato;
  • Falta de comunicação do Banco com o Cliente que está pagando a CIP;

Infelizmente existe SIM um acordo entre alguns bancos em não fazer a portabilidade entre eles e ainda pior!

Existem alguns bancos que simplesmente ao receber a baixa do CIP não dão o comando de exclusão da CIP o que inviabiliza o processo todo, uma vez que quem pagou não vai conseguir transferir a dívida sem a baixa.

Lembre-se que a portabilidade consiste em transferir seu contrato para outra instituição da mesma forma que ele se encontra. A portabilidade por sim só não libera ao cliente valor algum!

O que existe é um Refinanciamento automático que irá lhe gerar valores e consequentemente, irá estender o valor e prazo da sua dívida.

Recomendamos que sempre consulte bem antes de contratar, não existe milagre na portabilidade e sim um fator matemático : (valor do contrato) –  (Saldo devedor) = valor a ser creditado ao cliente.

Verdades Secretas

Ao fazer uma portabilidade é definido uma taxa que chamamos de RCO, esta taxa é proporcional ao valor de parcelas a pagar, até ai sem problema algúm certo? Errado! Muitas instituições não fazem a portabilidade porque o valor do RCO é alto demais e ainda pior!

Repassam esse valor a pagar para seu agente de crédito e ou correspondente, ou seja, se quiser fazer uma portabilidade para seu cliente vai ter que participar das despesas.

Conheça algumas verdades:

  • Muitas Instituições se negam a portar um contrato que tenha valor de parcela inferior a R$ 90,00;
  • Entre os bancos “Amigos”, a portabilidade não existe;
  • Existem Bancos que por não dar baixa nos contratos ficam impedidos de se portar dívidas deles;
  • Quem paga as despesas da sua portabilidade geralmente é seu correspondente;

É triste dizer isso mas a Portabilidade no Brasil não funciona, devido a alguns cartéis de Bancos, falta de controle do Banco central e maus profissionais o produto deve ser muito bem consultado antes de ser contratado.

Mais informações

Os bancos portam o que querem e como querem e se estiver portando um contrato de um banco amigo então! Esqueça, pois vai dar tudo errado.

Para nós que somos correspondentes funciona assim : Quer portar um contratado? O risco é 100% seu, todas as despesas são suas e se der errado você é que se vire. Um total absurdo! ai eu me pergunto?

Como uma instituição Financeira, controlada pelo Banco Central consegue fazer isso com um setor que tem uma força de vendas de mais de 1 Milhão de representantes? Infelizmente a resposta é : Brasil!!!

Por todos estes motivos e alguns outros você muitas vezes se pergunta: Porque minha portabilidade está demorando? Porque não consigo fazer a portabilidade dos meus contratos?

A resposta é que se um produtos desta magnitude tem tantos contra como pode dar certo? Os Bancos não querem fazer a portabilidade e a verdade é essa, fazem por conta de uma legislação fraca e pouco criteriosa, mas se depender das instituições financeiras nuca teria a possíbilidade de fazer sua portabilidade.

A portabilidade deveria ser um instrumento de melhor o produto e setor, ou seja, se seu banco não está mais lhe atendendo em condições de taxas, politica de crédito e atendimento. Você poderia demonstrar a ele seu descontentamento simplesmente trocando de Banco.

Eu pessoalmente acredito que um dia poderemos ter um sistema financeiro mais justo e com mais controle.

No entanto, reforço minhas palavras quando recomendo à você que deseja fazer sua portabilidade e, ao fazer, pesquise bem. Ademais, não acredito em falsas esperanças.

Você sabia?

Com mais de 17 anos no Mercado de Empréstimo Consignado e com uma equipe treinada para lhe auxiliar na melhor decisão, no entanto o Portal Consignados trabalha em parceria com diversos bancos para lhe oferecer sempre o melhor negócio.

Luiz Fernando Ribeiro Pereira

Há 17 anos no mercado de crédito, se especializou em empréstimo consignado, politicas de crédito, crédito consciente e Marketing Digital, co-fundador do portal consignados.com.br

Ver comentários

  • O Banco Bradesco Promotora fez portabilidade de meu empréstimo consignado, o qual eu havia designado o Banco Olé Bonsucesso, sem a minha anuência ou conhecimento. Ele alega que eu o procurei e pedi que fizesse a portabilidade, só que não há contrato. Ele o fez eletronicamente e eu só descobri, porque houve uma diferença de valor em minha conta corrente. Também soube que essa é uma prática bem comum dos bancos e/ou financeiras. Estou deveras revoltada com a situação, mas já estou armazenando provas para o ingresso em processo judicial o mais breve possível.

  • Pedi portabilidade do Santander para o banco Inter, dia 09/11, o Santander entrou em contato e eu recusei a proposta, porém continuam ligando, será que não vou conseguir? Até agora não recebi nenhuma notícia.

    • Laura sua proposta deve estar seguindo o fluxo normal, se não aceitou a contra proposta do seu banco e permaneceu com a intenção de portabilidade agora são prazos de quitação, baixa, inclusão e atualização, refinanciamento e pagamento, na ordem seria 2 dias úteis + 2 dias úteis +7dias úteis + 2 dias úteis + 7 dias úteis = 20 dias úteis

  • Depois que paga o boleto de quitação quanto tempo demora pra cair o resto do dinheiro na conta

  • Demora muito porque o INSS ele para do dia 10 até o dia 20,que eles processado as folha de pagamento dos aposentado e pensionista,por isto que demora o conseguina para averbar os contrados

    • Geralmente em torno de 30 dias úteis Valdete, digo o processo todo.

  • Boa noite Luiz Fernando eu tinha 2 consignados com o Bradesco eles me ofereceram o refim mas eles passaram um contrato de 147,00 pra 156,00 e eu não tinha margem e eles colocaram meu nome no SPC o INSS disse que o erro foi do banco o que eu faço?

    • Se tiver o contrato com o valor errado pode acionar via procon ou tentar uma negociação amigável com o banco que é o que realmente recomendo fazer

  • Oi fiz uma.portabilidade do santander para o itau visando jm dinheiro e mim ligaram hoje dizendo que o banco aprovou um valor e que ahora depende do inss para aprovar issp procede e se depender o inss ja que os valores estao aceito qual a demora

    • Procede totalmente, é o INSS que faz todo o processo de averbação, enquanto ele não processa a alteração de banco, ou a reserva para o novo banco o dinheiro não cai

  • Solicitei uma portabilidade do Itaú para o Paraná banco, já passou os cinco dias para o Itaú tentar uma contra proposta e até agora nada, o que pode ter acontecido?

    • Erika são cinco dias úteis para o banco fazer contato, caso não ocorra o processo corre normalmente e seu contrato é portado

  • Eu sempre fiz portabilidade e sempre libera um valor ate que alto na minha conta.( a ultima que fiz foi do banco Safra para o Banco Bom sucesso, e liberou mais de 2500 reais para mim) sempre foi facil e nunca tive problemas

  • Tenho empréstimo no safra e vendi para o pan , só que apareceu como outro empréstimo no aplicativo do inss, a moça falou que vão depositar a mesma quantia que apareceu no extrato do inss e que tenho que pagar um boleto, e ficar com outra que é troco, posso confiar ? Posso desistir?

    • opa...portabilidade quem paga é o banco que está portando e não o cliente, pula fora disso Osinete

  • Tenho empréstimo consignado no banco A é estou fazendo portabilidade para o banco B, já assinei o contrato, mas o banco A me ofereceu contra proposta para ficar lá, posso desistir da portabilidade com o banco B?

Leave a Reply

You have to agree to the comment policy.