(11) 2626-6000

O prazo ideal no refinanciamento de imóveis e o motor do seu carro é uma analogia bem interessante, mas que faz todo sentido. Acompanhe nossa linha de raciocínio. Qual o prazo ideal no empréstimo com garantia de imóveis?

Eu gosto de carros. Eles parecem ser meras ferramentas de transporte, mas ensinam muita coisa para a gente. No entanto, muita gente não sabe disso. Se você está planejando fazer empréstimo com garantia de imóveis, eu sugiro fortemente ler essa matéria antes.

Prazo ideal no refinanciamento de imóveis existe?

Imagine a cena: Um cliente, emocionado por poder fazer o empréstimo com garantia de imóveis, decide apelar para o prazo máximo de 240 meses.

“Que show” você diz. Com um prazo tão grande, a parcela do refinanciamento do imóvel vai despencar lá da estratosfera para o porão, certo? Errado!!!

Existe uma curva ideal de aproveitamento de empréstimo, tanto na tabela SAC quanto na PRICE. No entanto, essa curva acontece quando a amortização atinge o ponto máximo.

É como o motor de um carro. Atinge a potência máxima por volta de 5 mil RPM, e dali para frente? Dali para frente você estraga o motor e perde potência. (Claro, a exceção é o motor Honda ivtec, mas deixemos o automobilismo de lado e fiquemos com a regra geral).

Não vale a pena forçar o motor do carro acima dos 5 mil RPM, e não vale a pena fazer um refinanciamento de imóveis acima de 120 meses. Como o carro, acima de 120 meses, cada parcela a mais perde poder de amortização, perde potência.

No entanto, se um refinanciamento de imóveis tem parcela de 1.200,00 até 120 meses, com 240 meses ela não vai cair para 600,00. Vai cair para 1.112,00. “O que? Apenas 88 reais a menos por parcela?”. Exato!!! Fica gritante a diferença não fica?

Na próxima vez que for conversar com um operador de crédito que faca empréstimo com garantia de imóveis e que tente empurrar um prazo tão grande, você poderá começar a conversa assim:

“Sabe, eu gosto de carros…”

(Caso tenha mais dúvidas, você pode contar com nossos mecânicos, ops, operadores de crédito quero dizer).

Gostou? Compartilhe nas Redes Sociais