Categorias: Dúvidas
| em 4 meses atrás

Empréstimo Pessoal – Como Funciona

Por Luiz Fernando Ribeiro Pereira

Empréstimo pessoal é uma das modalidade de crédito mais utilizadas no mercado, devido a sua flexibilidade e não condicionar a uma situação funcional especifica como o empréstimo consignado. No entanto, o empréstimo pessoal é disponível a todas as pessoas que tenham mais de 18 anos e que possuam comprovação de renda ou movimentação bancária compatível.

Formas de Pagamento do Empréstimo Pessoal

O empréstimo pessoal tem alguma formas de pagamento parcelado. As principais iremos destacar, como por exemplo:

  • Parcelamento através de Cheques pré-datados.
  • Parcelamento através de boletos Bancários em um Carnê.
  • Parcelamento debitado diretamente de sua Conta Bancária.

O crédito pessoal por ser uma linha de crédito de risco as instituições financeiras solicitam aos tomadores uma garantia de pagamento. Ademais, a mais comum e mais utilizada são cheques pré-datados no valor das parcelas. Isso de acordo com o vencimento escolhido e taxa de juros contratada.

Taxa de juros

Não existe um taxa mínima ou máxima para o crédito pessoal. As taxas são cobradas e acordo com o risco de cada instituição financeira. Ademais, de acordo com a política de crédito, quanto menor a exigência maior é a taxa de juros. Esta no entanto, poderá chegar até 20% ao mês em instituições que aceitam emprestar para quem está negativado.

Diferente do Empréstimo Consignado que não precisa ter nome limpo para contratar.

O relacionamento também é um fator importante a ser considerado para quem procura esta modalidade de crédito. Contudo, correntistas de bancos comerciais tem taxas de juros menores do que aqueles que procuram o empréstimo pessoal em financeiras. Pesquise bem antes de contratar. O Banco Central disponibiliza a informação de taxa de juros cobrada. Caso deseje acessar a página, basta clicar aqui.

Cuidados com o Crédito Pessoal

Apesar de ser uma modalidade de crédito permitida apenas para instituições financeiras. No entanto, o crédito pessoal requer muito cuidado e atenção. Contudo, para evitar abusos e taxas indevidas em sua contratação, vamos destacar as principais situações que você poderá se confrontar.

A taxa de abertura de crédito é cobrada livremente pelas instituições financeiras. Sua justificativa são os custos de analise e pesquisas junto ao órgãos de proteção ao crédito para aprovar ou não seu empréstimo, mas cuidado! Questione o valor que está sendo cobrado de TAC se o valor for superior a 10% do valor do seu empréstimo desconfie.

Seguro de Vida e Prestamista

Muitas vezes é adicionado um seguro ao seu empréstimo com a justificativa de ser um seguro prestamista ou seguro de vida. Saiba que você não é obrigado a pagar ou contratar qualquer seguro. Contudo, este tipo de inserção acaba aumentando sua dívida e geralmente é adicionado ao valor do seu empréstimo pessoal o que aumenta a taxa de juros.

Se escutar do agente de crédito a seguinte expressão “produto em reciprocidade” corra e denuncie ao Banco Central. Infelizmente produtos como capitalização, seguros ou até mesmo consórcios são oferecidos no ato da contratação de seu empréstimo pessoal com a prerrogativa de ajudar na aprovação do crédito. Isso é MENTIRA, não passa de venda casada.

Aonde Contratar empréstimo pessoal?

O portal consignados tem várias opções em crédito pessoal, através de parcerias com instituições financeiras, onde o cliente poderá pagar seu empréstimo pessoal através de boleto bancário e até mesmo através de desconto na fatura de energia.

Luiz Fernando Ribeiro Pereira

Há 17 anos no mercado de crédito, se especializou em empréstimo consignado, politicas de crédito, crédito consciente e Marketing Digital, co-fundador do portal consignados.com.br

Ver comentários

  • Minha esposa e pensionista e fez 3 empréstimos pessoas no BMG e virou uma bola de neve ,ela pode fazer a portabilidade pra outro banco, o BMG pode não aceita a portabilidade, porque queremos entrar com uma ação por juros muito abosivo

    • Ação por juros acredito que seja a pior saída Ary, até porque nenhuma operação é autorizada pelo INSS que estiver acima do acordado o que invalidaria sua ação e geraria ainda mais custos ao Senhor e sua esposa, uma vez que quem perde a ação arca com os custos do processo, acredito que esteja fazendo a leitura errada. Em relação a juros, vamos entender que as taxas praticadas são bem baixas comparada a outras modalidades de crédito, o que talvez possa parecer alto é um índice que serve para manter o produto no mercado, entenda, não defendo taxas mais altas e sim o setor como um todo, o que serve taxas mais baixas se for para não dar a manutenção do produto a ponto de torna-lo inviável, existem convênios que atualmente foram por esta linha e simplesmente desapareceram do mercado, e seus consumidores agora estão com as opções de apenas fazer empréstimo pessoal a uma taxa acima de 12% ao mês, seria essa a saída? Baixar as taxas ao ponto de tornar o produto inviável a todos e retorceder ao ponto de ter como opção uma Crefisa ou Help da vida? Acredito que não né? Mas infelizmente por comportamentos como este o mercado caminha para isso, infelizmente!

  • Ja pedi refinanciamento ao safra e até agora não recebi retorno, tem mais de uma semana que recebi o telefonema..celular meu 67 999049057.Aceitei a proposta do banco Sagra desiste da portabilidade e agora estou prejudicado com morosidade. Sou aposentado do INSS pro favor resolvam essa situação.

    • Infelizmente consigo interagir apenas com os clientes que fecham pela minha promotora. O Sr terá que entrar em contato com o telefone passado e solicitar uma solução.

  • Preciso urgente de um empréstimo pessoal sou autônoma como faço pra consegui?

    • Rosi solicite pelo site que analisamos alguma alternativa para a senhora

Leave a Reply

You have to agree to the comment policy.