fbpx
(11) 2626-6000

O Consumismo Desenfreado, se for praticado constantemente, pode virar uma doença, um vício. Contudo, se estamos passando por isso ou se vemos alguém próximo passando, deveremos buscar um tratamento antes de perdermos tudo o que conquistamos. Temos que ponderar nossas vontades hoje para que não passemos dificuldades financeiras amanhã.

Segundo a psicologia, necessitamos consumir para sentirmos prazer e acabar com a dor. A mídia nos vende isso. A felicidade em adquirir um determinado produto simplesmente sana a dor. Mas será que é isso mesmo? Lhe convido a conhecer mais sobre consumismo compulsivo.

Como identificar o Consumismo Desenfreado de uma pessoa?

Tudo o que é exagerado não é bom, pois se torna vício. Temos que estar sempre no controle dos nossos desejos e vontades. Se não tivermos controle sobre tudo o que fazemos e queremos, perdemos também o controle sobre nossos atos. Isso é extremamente prejudicial para nós e para quem está ao nosso redor.

O consumismo tem a ver com nossas necessidades. Compramos porque necessitamos de algo, não é mesmo? No entanto, quando compramos por hábito sem nenhuma necessidade, acredite, estamos precisando de ajuda.

Veremos alguns dos sintomas de uma pessoa que é consumista compulsiva:

  • Não mede esforços quando quer algo
  • Faz compras de itens sem necessidade ou utilidade
  • Se endivida para comprar um produto que talvez nem use
  • Sente arrependimento, mas não assume a compulsão
  • Afeta financeiramente os planos pessoais ou familiares pelo desejo de comprar algo
  • Não se importa de gastar mais do que ganha, pois assim que realiza a compra, sente um prazer momentâneo

Você faz planos quando vai as compras?

Você leu até aqui e chegou a conclusão que seu perfil não é de uma pessoa consumista compulsória. Ok. Contudo, você se planeja para comprar tudo o que precisa? Quando vai comprar algo, seja em loja física ou online, você realiza pesquisas no intuito de adquirir um produto que necessita pelo menor preço e melhor qualidade ou você compra na primeira loja/site?

Agora vamos falar sobre compras no supermercado.

Com qual frequência você vai ao supermercado?

  • Sempre que lhe falta algo?
  • 1 vez por mês?
  • De 2 em 2 semanas?

Essas perguntas são extremamente importantes para que você conheça o seu grau de consumismo.

Veja algumas dicas de como fazer compras:

  • Faça uma lista dos itens que você e sua família necessitam
  • Após ter feito a lista, faça um debate com a família com a intenção de verificar se todos os itens são realmente indispensáveis
  • Nunca vá ao supermercado com fome. Você gastará mais pegando tudo o que vê.
  • Estipule um limite para realizar a compra. Não exceda.
  • Se você necessita de um produto, mas não tem a verba suficiente para adquiri-lo no momento, considere replanejar essa compra ou fazer um financiamento dentro das suas possibilidades.
  • Pesquise muito antes de realizar qualquer compra
  • Seja fiel aos seus objetivos, ou seja, não saia comprando tudo. Por exemplo, se você for comprar uma TV de 32 polegadas e o vendedor te oferecer uma TV de 50 polegadas, sendo que o valor é o triplo, cuidado! Evite fazer dívidas!
  • Se for pagar o produto à vista, exija o desconto. Muitas lojas nos forçam a entrar no parcelamento. Cuidado para não cair no golpe do vendedor!
  • Negocie muito antes de fechar um acordo
  • Jamais tome a decisão de compra na frente do vendedor ou na loja. Eles usam essa tática para impulsionar um produto para você.

Considerações Finais

O Portal Consignados espera que esta matéria tenha contribuído para ajudar você, leitor, a não ser enganado e nem adquirir um produto que não necessita. Não caia na tentação e cuidado para não entrar em dívidas.

Crédito Consciente Cuidado com o Consumismo Desenfreado!