Aumento do prazo das parcelas consignados

14/05/2020

O conselho nacional de previdência aumentou, no dia 17 de março de 2020, o prazo das parcelas de 72 meses (6 anos) para 84 meses (7 anos) do empréstimo consignados.

Veja nossa matéria sobre o que é empréstimo consignado: Ação busca aquecer a economia e auxiliar, economicamente, a população de risco. Com os prazos maiores, a intenção é fazer com que as pessoas voltem a fazer empréstimos, apesar do aumento tradicional de juros continuar funcionando.

Ou seja, quanto maiores as parcelas, maiores os juros, aumentando o valor líquido que ter que ser pago sobre o valor inicial. Efetivamente, esta medida é uma faca de dois gumes, apesar de facilitar o acesso ao crédito, aumenta as chances de aposentados e pensionistas se endividarem, e, numa crise destas, isto é extremamente perigoso.

Risco x Aumento do prazo no Consignado

Com a maior mortalidade das pessoas, devido aos tempos de pandemia, a régua mutuária para de funcionar de maneira precisa. Há maiores chances de pessoas com idade avançada vir a falecer, ou seja, existe maior probabilidade de um empréstimo não ser pago, acarretando numa bola de neve.

A régua mutuária avalia, a partir da idade, as probabilidades de um empréstimo vir a ser pago ou não, considerando a mortalidade da população por idade. Por isso é mais difícil pessoas com idade mais avançada conseguirem aprovação para empréstimos.

Porém, com as taxas de mortalidades elevadas, um dinheiro extra pode ajudar a resolver problemas que seriam irresolúveis.

Os contratantes deste tipo de empréstimo, além de terem maior acesso ao crédito, refinanciar seu contrato com uma taxa de juros menor, se livrando de dívidas que podem ser contraídas durante esta crise.

Esta medida, apesar de ser um tiro no escuro, pode ser considerada uma ação extremamente humanitária, pois ajudar pessoas necessitadas em um momento de extrema necessidade.

Por fim, a extensão do prazo das parcelas pode ser ruim economicamente (ainda que não comprovado) mas com certeza auxiliará a população necessitada, sendo uma medida, entre outras coisas, humanitária.

Luiz Fernando Ribeiro Pereira

Autor do Portal Consignados

Há 17 anos no mercado de crédito, se especializou em empréstimo consignado, politicas de crédito, crédito consciente e Marketing Digital, co-fundador do portal consignados.com.br
Subscribe
Notificar de
guest
2 Comentários
O mais novo
O mais antigo Mais Votado
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
Maria Aurineide Gonçalves Eduardo
Maria Aurineide Gonçalves Eduardo
4 meses atrás

Gostaria de saber se tenho direito a pausar as parcelas do meu emprestimo consignado.